Barqueiros de Pontal do Paraná protestam contra travessias clandestinas para a Ilha do Mel

Na manha desta terça-feira (29) barqueiros associados da ABALINE – Associação dos Barqueiros  do Litoral Norte do Paraná,  fecharam o canal de travessia de Pontal do Paraná para as ilhas do Litoral.  Segundo informações, os donos dos barcos estariam proibidos de realizar a travessia para a Ilha do Mel, pois a capacidade de turistas na […]

Na manha desta terça-feira (29) barqueiros associados da ABALINE – Associação dos Barqueiros  do Litoral Norte do Paraná,  fecharam o canal de travessia de Pontal do Paraná para as ilhas do Litoral.  Segundo informações, os donos dos barcos estariam proibidos de realizar a travessia para a Ilha do Mel, pois a capacidade de turistas na região já teria atingido a capacidade máxima pessoas, entretanto, a travessia estaria ocorrendo de forma clandestina e em barcos particulares, gerando insatisfação e prejuízo aos barqueiros regularizados.

A Ilha do Mel possui lotação máxima de visitação do dia 30 de dezembro ao dia 03 de janeiro. Devido a pandemia do coronavírus, o limite de visitantes foi reduzido para 2500 pessoas para hospedagem e 1500 pessoas para day use, modalidade de hospedagem por apenas um dia, sem pernoite.

Neste mês, o governo do estado publicou uma Resolução Conjunta nº 01/2020, que instrui normas para utilização dos trapiches de Pontal do Sul, em Pontal do Paraná, e das praias de Nova Brasília e Encantadas, na Ilha do Mel, em Paranaguá.

4ca0be1f-abaline-foto-2-300x169 Barqueiros de Pontal do Paraná protestam contra travessias clandestinas para a Ilha do Mel

As embarcações com descumprimento das regras serão notificadas pelos fiscais. Já os clandestinos, ou seja, sem cadastro, são apreendidos.

De acordo com o documento, a fiscalização deve ser exercida pelas Prefeituras Municipais de Pontal do Paraná e de Paranaguá, e o poder de Polícia será exercido pela Guarda Municipal das Prefeituras; pela Patrulha Costeira do 9º Batalhão de Polícia Militar e pelo Batalhão de Polícia Ambiental do Paraná.

*com informações da AEN

Nossos Programas