Destaque
Guaraqueçaba suspende vacinação contra a Covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos após comunicado do Ministério da Saúde

O município de Guaraqueçaba que havia iniciado essa semana a vacinação para os adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, emitiu uma nota nesta sexta-feira (17) informando que irá respeitar a medida do Ministério da Saúde e suspendeu a vacinação dos jovens, com exceção dos adolescentes com comorbidade ou deficiências permanentes.

“Apesar da autorização pela ANVISA do uso da Vacina Cominarty (Pfizer/Biontech), informamos que a vacinação continua somente para adolescentes de 12 a 17 que apresentem deficiências permanentes, comorbidade ou que estejam privados de liberdade, conforme orientação do Ministério de Saúde”, afirma o município.

Após o comunicado do Ministério da Saúde suspendendo a vacinação contra a Covid-19 para adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) informou nesta quinta-feira (16) que aguarda o posicionamento definitivo sobre a aplicação de doses em adolescentes, também em razão da manifestação do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), que pede parecer da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre a liberação dos imunizantes para todos os menores, mas que irá seguir a orientação do Ministério da Saúde.

A Sesa ainda afirma que não iniciou oficialmente a vacinação de adolescentes e que segue o Programa Nacional de Imunizações. O Secretário Estadual de Saúde, Beto Preto, ressalta que “Estamos debatendo este assunto com o Ministério da Saúde e aguardamos um novo posicionamento. Mas, quero fazer um alerta, temos que trabalhar junto com os municípios e somente avançar se tivermos confiança que teremos as doses de vacinas necessárias para poder vacinar os adolescentes”.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.