Destaque
Covid-19: Tripulante de navio que tinha Porto de Paranaguá como destino, morre vítima da variante Delta, em Recife
Foto: Coordenadoria de Imprensa/Porto de Recife

A Secretaria de Saúde de Pernambuco confirmou a morte de um filipino por Covid-19 neste domingo (18). O homem de 50 anos era tripulante do navio cargueiro Shoveler, de bandeira Chipre que estava atracado no Porto de Recife e tinha como destino, o Porto de Paranaguá. O tripulante foi vítima da variante Delta, vírus originário da Índia.

O homem foi transferido para o leito de terapia intensiva em um hospital particular de Recife, no dia 1º de julho, mas no último domingo (18) não resistiu à doença e foi a óbito.

Além da morte do tripulante filipino, outros oito tripulantes também foram diagnosticados com a doença, dois deles contraíram a variante Delta e foram internados.

Foi confirmado que nove dos 19 tripulantes da embarcação haviam testados positivo para Covid-19. Segundo a Secretaria de Saúde de Pernambuco, todos os tripulantes estão sendo monitorados. O navio permanece em isolamento.

A Secretaria de Saúde de Pernambuco juntamente com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a empresa responsável pelo navio, estão em acordo para que haja uma cremação segura do corpo do tripulante filipino.

Somente no Brasil, já foram identificados 110 casos da variante Delta do novo coronavírus. Desses, cinco casos evoluíram para quadro grave que resultou em morte.

Dos 110 casos registrados, foram 83 no Rio de Janeiro, 13 no Paraná, seis em um navio que ficou parado na costa do Maranhão, um em Minas Gerais, dois em Goiás, três em São Paulo e dois em Pernambuco.

O Litoral do Paraná não tem casos confirmados de contaminação da nova variante. A Secretaria de Saúde do Paraná está em constante monitoramento da doença.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.