Coronavac: vacina passa a ter espaço de 25 dias para aplicação entre primeira e segunda dose

A decisão de Paranaguá atende orientação do Governo do Estado

A partir desta semana, Paranaguá passa a seguir orientação do Estado e realizar um intervalo de 25 dias entre a aplicação da primeira e segunda dose da vacina, segundo o site do município.

Essa nova medida foi proposta pelo Governo do Paraná nesta quarta-feira (07), a orientação é pensada para que pessoas que já receberam a primeira dose não fiquem sem a segunda por falta de distribuição dos lotes.

Sobre a Coronavac

A CoronaVac é a vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica Sinovac. O imunizante tem como eficácia geral uma porcentagem de 50,38 %. Dos casos leves, ou seja, que existiu o apoio médico, mas não a internação há eficácia de 78 % e nos mais graves a proteção é de 100%.

De acordo com o Instituto Butantan, já foram entregues mais de 37,2 milhões de doses ao Ministério da Saúde. A partir disso, é responsabilidade do órgão repassar aos Estados e municípios. Na última remessa, enviada na segunda-feira (5), o Instituto entregou 1 milhão de doses, que agora estão sendo distribuídas pelo Brasil.

Em Paranaguá, estima-se que novas doses podem chegar entre amanhã (8) e sexta-feira (9).

*Por: Ana Zampier 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.